O Símbolo nas Alianças

A tão famosa aliança de casamento tem o papel de significar um compromisso, uma união entre duas pessoas que decidiram daquele momento em diante ficar sempre juntas. Contudo, esse antigo símbolo pode significar várias etapas e vínculos, como a honra, o poder, as crenças de uma vida. Mas, principalmente, atribui a infinidade de um momento.

Alianças

Segundo pesquisas, o círculo no anel que apresenta algo sem começo e sem fim, surge com o povo Hindu, mas só ganhou o significado de união entre pessoas emocionalmente envolvidas com os gregos e romanos. Então em meados do ano 1477 o filho do imperador da Áustria, Maximiliano, presenteou sua noiva, Maria duquesa de Burgúndia, com um anel de diamante. A gema expressa o imperecível e o resistente. Na antiga Grécia existiam pessoas que acreditavam que os diamantes eram lágrimas dos deuses do Olimpo, e outros acreditavam ainda que eles eram estilhaços de estrelas. De qualquer maneira, o símbolo do anel com diamantes, que expressa a união estável e extremamente resistente, pendura até os dias de hoje. A partir daquele acontecimento criou-se uma tradição do anel de noivado de brilhante, que está entre os mais cobiçados do mundo.

Vale lembrar que, seja qual for o anel que a noiva ganhe, nem sempre ele poderá representar a intensidade do sentimento que o noivo traz consigo. O mais importante está não no objeto em si, mas no compromisso mútuo que essas pessoas assumiram entre si.

 Mais uma das crenças antigas é aquela que determina o dedo onde será colocada a aliança, e ela estaria entre os romanos, que acreditavam que uma veia chamada veia d’amore passava no quarto dedo da mão esquerda. Por isso, a partir do século IX a igreja católica adotou a aliança no quarto dedo esquerdo como o símbolo de união e fidelidade entre os casais.

 Por: Milene Silva

Fontes:

http://pt.scribd.com/doc/51761494/114/PRINCIPES-E-POLITICA-NA-ALEMANHA-POS-HOHENSTAUFEN

http://www.reisman.com.br/historia-origem-das-aliancas-casamento-noivado.htm ; http://www.casamentoenoivado.com.br/historia-das-aliancas-de-casamento/