Perfil do entrevistado

Banda Maju

Ludy, a vocalista da banda Maju

Banda feminina da cidade de São Paulo formada por quatro meninas, sendo elas: Ludy (vocal), Danny (guitarra), Débby (baixo) e Meggy (bateria).

É difícil alguém definir ao certo o som da banda, uns dizem que é um gênero feminino e outros acrescentam dizendo que há muito de gênero masculino, mas a banda não discorda e nem concorda, apenas diz que o som é punk rock.

Esta é uma filosofia da banda. Ela não se interessa em se autodefinir diretamente como rock feminista, elas apenas gostam e preferem confundir a cabeça do público.

Por tudo isso, Maju é também uma banda feminista; mas não num sentido senso comum da palavra, e sim num outro bem mais além.

“Uma das filosofias da nossa banda é destruir os gêneros. Com isso, cada um tenha a sua identidade sexual, sem ter que limitá-la à comportamentos pré-estabelecidos” – conclui Meggy, uma das integrantes da banda.

Veja mais em:

As mulheres do rock em evidência

Riot Grrrl discute temas relacionados ao rock e feminismo

Festival Feminino de Rio Claro da show de solidariedade

Desconstruindo o Clichê

Banda Hell’O Bitch

Integrantes da banda Hell'O Bitch

Banda feminina da cidade de São Paulo formada por quatro meninas, sendo elas: Mikkie (vocal e baixo), Sabre e Cacau (guitarras) e Camys (bateria).

Elas já se apresentaram em alguns eventos ao lado de grandes nomes do rock nacional e programas de TV, rádios, revistas, sempre com destaque à parte. As meninas de Sampa esbanjam talento e profissionalismo quando o assunto e tocar rock’n roll!

 No fim do segundo semestre de 2009, a banda lançou o seu último álbum, titulado por “Banda”. Com 12 faixas, o CD mostra todo o diferencial e potencial da banda na hora de compor e executar suas músicas, sendo a primeira música “Ta Faltando”, um hit obrigatório em qualquer rádio rock que faz jus a boa música.

 Essa é uma banda que passeia pelo pop rock, hard rock, rockn roll e até punk rock com letras realistas sobre o nosso cotidiano e letras bem humoradas, como a faixa que fecha o CD, Melô do Amor Romântico.

Outros grandes destaques do CD são as faixas Cadê meu País com participação especial de Franklin, baixista da banda Surto, e Johnny Kid Boy (Adriano) na faixa Estrelas.

VOLTAR PARA A PÁGINA INICIAL

Aproveite para visitar: Guitarra de Calcinha , @gdecalcinha e a matéria em flash