Igreja musical

Comunidade evangélica oferece aulas de música a bairro carente da Zona Leste

Por Everton Amaro

Quem pensa que igreja é lugar de pregação está muito enganado. Bem, ao menos parcialmente. É que a Comunidade Cristã Deus é Fiel, que fica no bairro de Itaquera, SP, é muito mais que um templo. O local se tornou, recentemente, um ponto de referência ao desenvolvimento cultural da zona leste.

O pastor Claudio em sermão

“Como cristão, sei que devemos ajudar ao próximo o máximo que pudermos”, comenta Claudio Domingues, idealizador do projeto. O pastor implementou, na igreja evangélica, diversas atividades voltadas às pessoas carentes, há três meses.

“Observei que a maior parte das pessoas que freqüentam a Deus é fiel não têm condições financeiras sequer razoáveis”, revela. “Então, por que não dar mais espaço para que essas pessoas se desenvolverem, não só espiritualmente, mas também em âmbito cultural?” explica.

Tudo começou com o coral da igreja. “Algumas mulheres queriam muito cantar, mas não tinham técnica”, diz Antônio Carlos de Souza, professor de canto. “Juntei um grupo de três pessoas e vi como seria bom ter uma turma maior”, conta o instrutor. “Só depois os adolescentes se interessaram, daí partimos para a formação de turmas e lições mais sérias”, diz. 

O músico Jairo Gomes foi no embalo das aulas de Antônio Carlos e, logo, passou a “reaproveitar” alguns dos seus alunos, ensinando a eles como tocar teclado, violão, guitarra e bateria. “Existem pessoas que nem sabem do seu potencial, mas quando pegam um instrumento, é como se já tivessem tocado por toda a vida”, comenta.

As aulas de música da igreja ficaram tão famosas pela região que o pastor Claudio resolveu anunciá-las de vez como uma atividade oferecida pela igreja. “É preciso fazer com que todos participem de projetos que engrandeçam a sabedoria”, afirma. Curiosamente, a maior patê do público que a igreja atraiu é formada por jovens.

Quanto às irmãs que começaram na primeira turma do coral, agora elas têm um grupo só de mulheres que fazem o bem. São inúmeras as campanhas realizadas pelas três para arrecadar alimentos e roupas para pessoas desabrigadas ou com dificuldade financeira.

Domingues não consegue esconder a felicidade quando assiste a uma aula ou vê os jovens se dedicando ao aprendizado. “Este é o caminho certo, o caminho da cultura”, afirma. Ele convida todos a participarem das aulas e dos cultos, é claro.

>>> Confira o depoimento de três jovens que participam das aulas na igreja.

Imagem de Amostra do You Tube

>>>

Confira a programação da Igreja

Projetos voluntários geram desenvolvimento social em Itaquera